Copy
Newsletter com a informação oficial da Rede Escolar Adventista em Portugal.
View this email in your browser

O contacto com a Natureza
nas Escolas Adventistas

Como podem as Escolas Adventistas ajudar a “reparar a brecha” entre os alunos e a Criação de Deus, é a pergunta que serve de base à Newsletter da Rede Escolar ASD deste mês.
Esta mesma questão esteve na base de um artigo de H. Thomas Goodwin, intitulado “Reparando a brecha: reconectando alunos com a natureza” editado pela Revista de Educação Adventista, n.º 30, de 2010. Segundo o autor, há que ajudar os alunos a apreciar o genuíno valor da Criação, encorajando a um contacto mais direto e significativo com o mundo natural, melhorando o ensino das ciências e formando pessoas éticas, biblicamente instruídas, que compreendem e praticam o significado e o valor da natureza atribuídos por Deus.
“Os alunos, ao adquirirem esta perspectiva, apreciarão e procurarão contato deliberado com a natureza e buscarão servir como bons mordomos da Criação, executando eficientemente a ordem dada a Adão e Eva no jardim. Actuarão como “reparadores da brecha” entre o ser humano e o restante da boa criação de Deus”.
Deus permita que os alunos que estudam diariamente nas Escolas Adventistas em Portugal e no mundo, se possam assumir como bons e fiéis mordomos de Deus nesta Terra, preservando e cuidando da Sua obra criadora.

Tiago Alves
Diretor do Departamento de Educação da UPASD


Clube de Horticultura do Colégio Adventista de Oliveira do Douro
 
Na nossa escola, desde sempre houve a preocupação de que os alunos contactassem com a natureza, respeitando-a e valorizando-a.
Além das atividades curriculares, o CAOD disponibiliza, com caráter facultativo, o Clube de Horticultura para todos os alunos do 1º e do 2º ciclo.
As atividades realizam-se todas as terças-feiras, sempre na perspetiva da descoberta pela experiência e no contacto direto com a natureza. Nomeadamente, nesta época do ano que limita as nossas saídas à horta e à estufa, dentro do tema que presentemente está a ser trabalhado - “Descobrir as sementes” - estão a ser construídas coleções individuais de sementes e na pesquisa bíblica exploramos a Parábola do Semeador, relatada em Marcos 4:3-20.
No final da atividade, foram recolhidas algumas decisões pessoais. Todos afirmaram querer ser a terra boa, fértil, aquela que representa “o coração dos que querem amar a Jesus”*, “para dar bom fruto que é o bom testemunho”*.
 
Professoras Fátima Cardoso e Célia de Abreu
Celebrar a Natureza
Colégio Adventista de Setúbal


O Colégio Adventista de Setúbal quer celebrar a Natureza com poesias escritas por alguns alunos.
Vamos deliciar-nos com estas rimas infantis celebrando a Natureza e o seu Criador.
 
Plantas, flores
Campos multicores.
Peixes no mar
Que brilham à luz do luar.
 
Deus criou tudo
Com muito amor e carinho.
Devemos cuidar do nosso Planeta
E seguir o Seu caminho.
 
Flávia Modesto
4º ano

 
A Natureza é bela e grandiosa
Há por lá uma zebra
Mas o texto ficava melhor em prosa.
 
Poupar energia é essencial
Toca a apagar as luzes desnecessárias
Isso é que era o ideal!
 
Simão Espírito-Santo
4º ano

 
Deus criou a Natureza
O mar o céu e a Terra.
Deus também criou a cor.
Reciclar é pôr as caixas nos ecopontos corretos.
Não podemos espalhar as coisas pelo chão.
Se assim o fizer sou amigo do ambiente e do meu irmão.
 
Daniel Martins
4º ano
A Natureza é como ver a beleza
de um jardim sem fim.

A maldade e a tristeza
são proibidas nesta realeza.
A flor e a cor
é a Natureza em amor.

Samuel Fernandes
4º ano


Na Natureza há alegria.
Sentimos a melodia.
Respiramos o ar
Ouvimos os pássaros a cantar.
 
A chuva cai
E lá vai o pai,
Limpar o chão
com um esfregão.
 
Miguel Martins
4º ano

 
Quando eu vejo lixo
Eu vou logo indagar
E quando o apanho
Eu estou a reciclar.
 
Mário Morais
3º ano

 
A Natureza é bonita e as flores também são bonitas.
As flores não são para pisar!
São para cheirar e também são para apreciar.
 
Filipa Mira
3º ano

  
A Natureza é só beleza
Que toda a gente quer encontrar.
Gente de todo o Mundo vem cá
Para admirar a beleza do nosso mar.
 
Matilde Silvério
3º ano

 
Alunos do 4º Ano do Colégio Adventista de Setúbal
"A Natureza, o melhor livro..."
Creche e Jardim de Infância Arco-Íris, Setúbal


A preservação da natureza parece um tema tão atual, mas afinal está plenamente contemplado nas páginas da Bíblia. O Cristão tem na Bíblia a orientação para se posicionar em relação a cada assunto de modo racional e prático. Ellen White, define, não só a sala de aula e o professor, mas também o manual a adotar «… a Natureza o melhor livro. (Orientação da Criança. p. 300)
  • Deus criou o mundo para o homem (Gênesis 1:26).  A natureza é o presente e um presente não se estraga, guarda-se com carinho.
  • Deus deu ao homem a responsabilidade de cuidar da natureza (Gênesis 2:15). O domínio da terra à imagem e semelhança de Deus é responsável, cuidado, não utilitarista nem oportunista.
  • A criação sofreu por causa do pecado do homem (Genesis 3:17 a 19). A salvação restaura o homem e restaurará a natureza. Devemos trabalhar para o resgate da humanidade, da criação e também pela conservação da natureza.
  • A Bíblia ensina-nos que devemos viver para a Glória de Deus! (Colossenses 3:17) Preservar a natureza é guardar o testemunho de Deus na criação e trabalhar para que o seu Nome seja exaltado.
  • A Bíblia ensina-nos a amar o próximo como a nós mesmos e isso inclui as próximas gerações (Mateus 22:39). O que foi feito para mim também foi feito para os outros, ontem, hoje e amanhã.
Com suportes tão profundos na nossa cosmovisão, temos excelentes motivos para estar na vanguarda da luta pela preservação da natureza. E o ARCOÍRIS está comprometido pelo 7º ano consecutivo em fazer escolhas que apaixonadamente acredita poderem «salvar o planeta terra», através do Projeto ECO- Escolas, transversal a todas as áreas de conteúdo das Orientações Curriculares. Pretendemos que este Eco- pensamento se torne numa forma de vida, onde futuros consumidores e envolvidos em tomadas de decisões se tornem mais sensíveis com o ambiente, fruto deste trabalho diário entre crianças, comunidade educativa e parceiros externos.
Jesus também apreciava estudar as maravilhas da Criação de Deus, na Terra e no céu. No livro da Natureza, Ele aprendia sobre as plantas e animais, sobre o Sol e as estrelas. (Vida de Jesus Pág. 30)


Diretora Pedagógica, Paula Girão
"Vamos Construir Juntos, a cada dia, um Mundo Melhor"
Externato Adventista do Funchal


Há 4 anos que o Externato Adventista do Funchal é, oficialmente, uma eco-escola, tendo já desenvolvido diversos projetos neste âmbito. Assim é, porque, como escola cristã, acreditamos que Deus deve ser o centro do nosso trabalho e, ao mesmo tempo, cremos que a natureza testifica de Deus.
A Bíblia mostra-nos que a natureza é uma fonte infalível de instrução e deleite e apresenta-nos várias personagens que aprenderam com recurso à natureza. Parece-nos que também, assim, deve acontecer com os nossos alunos. Há grandes lições a aprender através da simples observação da natureza e, mais importante, quando se encontra unido a Deus e à natureza, o caráter do ser humano, acaba por ser moldado.
Ao longo dos últimos anos, possibilitámos aos nossos alunos um contacto constante com a natureza, realizando diversas visitas de estudo a magníficos recantos naturais existentes na Ilha da Madeira. A observação atenta da natureza permite-lhes testificar o poder restaurador de Deus, o Seu poder e a sua perfeição e o amor que Ele mesmo dedica a tudo quanto criou. Os nossos meninos tiveram já a oportunidade de conhecer o Parque Ecológico, alguns jardins, parques e praias da cidade, o Museu da Baleia, o Museu da Eletricidade, a Estação de Tratamento de Resíduos Sólidos, entre muitos outros lugares.
Na escola, temos uma horta e um cantinho das ervas aromáticas. Os alunos têm a oportunidade de participar na plantação de novos produtos hortícolas, na limpeza e rega da horta e na colheita dos produtos que se encontrem bons para consumo. Muitos dos alunos já beberam chá feito com ervas da horta, já se deliciaram com morangos ou se alimentaram, saudavelmente, com alface, tomate e pimentão, colhidos por eles próprios. Puderam ainda experimentar e aprender a compostagem, percebendo que os restos da nossa comida são um ótimo fertilizante para a nossa horta.
É frequente a participação em concursos ligados à proteção ambiental, através das quais já conseguimos arrecadar vários prémios. Construímos uma árvore amarela, um presépio ecológico e uma roda dos alimentos com produtos de desperdício, projetos que possibilitaram a conquista de dois fantásticos segundos lugares!
Acreditamos que Deus nos confiou a todos o domínio sobre as obras criadas por Ele nesta terra e que, por isso, os nossos alunos devem ter consciência da importância de proteger a natureza. Frequentemente são desenvolvidas atividades que lhes despertam a sua consciência ambiental. Os alunos já construíram um forno solar onde cozeram maçãs, elaboraram cataventos para embelezamento da horta biológica e participaram em campanhas de rua com um apelo à proteção ambiental. Frequentemente, todos contribuem para a recolha de tampinhas, rolhinhas, radiografias, pilhas, etc. Durante as férias do Natal, os alunos foram desafiados a construir um guarda-chuva só com materiais de desperdício. O resultado conseguido foi surpreendente e, no dia Eco-Escolas, todos desfilaram, alegremente, apresentando o seu trabalho aos colegas.
Para este ano letivo, incentivaremos, ainda, os alunos a participar na limpeza de uma praia e em ações de sensibilização e, até, a dinamizar uma campanha de sensibilização ambiental, que consistirá em colocar vários cartazes, construídos por eles, nas ruas da cidade. Os cartazes apelarão à correta separação dos resíduos, à poupança de água e de energia, à correta utilização dos espaços exteriores, à importância do consumo de produtos biológicos e à não poluição das praias e dos mares. Frequentemente, os alunos serão convidados a fazer a monitorização, avaliando as práticas ambientais dos colegas e a trazer para a escola um lanche sem resíduos. Nos meses de verão, a escola dinamizará a “Hora do Apagão”, que levará muitos a desligar as luzes, utilizando apenas a luz do Sol.
Não nos esquecemos que somos uma Eco-escola mas, acima de tudo, somos uma Escola Cristã. Assim sendo, temos a dupla responsabilidade de cuidar do mundo que nos rodeia, incentivando à contemplação e proteção de todas as maravilhas que Deus criou! Com todas as vivências proporcionadas, acreditamos que, no Externato Adventista do Funchal, vamos construir juntos, a cada dia, um mundo melhor!


Professora, Ana Magalhães
A importância da Natureza numa Escola Urbana
Oficina de Talentos, Lisboa


A Oficina de Talentos encontra-se inserida na cidade de Lisboa, mas mesmo assim, é importante a natureza nela.
Nós consideramos que devem haver plantas na escola, porque assim existe mais oxigénio, temos as frutas e delas as vitaminas que fazem bem à saúde do Homem. A escola fica mais bonita, florida e muito mais arejada, porque as plantas limpam o nosso ar. Deus criou as plantas com algum objetivo!
Cá na escola, nós gostamos de escolher as plantas que vamos cultivar, de regar e mexer na terra com as mãos. E vocês também gostam? Depois, ver as plantas a ficar bonitas, principalmente na Primavera, época do ano em que estão a florir.
Na nossa escola temos plantas bonitas e um limoeiro. Nesta árvore, um dia prendemos uma corda num dos ramos e fizemos um baloiço, onde pudemos brincar. Foi muito divertido! Esta grande árvore é visitada várias vezes ao dia por alguns pássaros, que por vezes, constroem ali o seu ninho. Quando o limoeiro tem fruto, nós podemos levar quatro ou cinco limões para casa. O limão tem um cheiro muito agradável!
Nós gostamos de participar nas atividades relacionadas com as plantas e consideramos que deveríamos fazê-lo mais vezes. Todas as semanas deveríamos regar, cuidar e dedicar um dia às plantas. Num dos anos letivos que frequentámos a escola fizemos hidroponia (é a técnica de cultivar plantas sem solo) com o marido da diretora anterior.
Tudo o que vem de Deus é bom e foi Ele que criou o Mundo com as plantas. Deus criou as plantas para o Mundo ser florido. Vamos dar mais importância às plantas? Deus criou tudo para o nosso bem, porque é nosso amigo. Como lemos no livro “Educação”: “Para aquele que assim aprende a interpretar Seus ensinos, toda a Natureza se ilumina; o mundo é um compêndio e a vida uma escola. A unidade do homem com a natureza e com Deus, o domínio universal da lei, os resultados da transgressão não podem deixar de impressionar o espírito e moldar o caráter.” (EGW, “Educação, pg. 100). Na mesma página do mesmo livro há também uma linda mensagem para as crianças que ainda não sabem ler, como é o caso das crianças da Pré: “…a natureza apresenta uma fonte de instrução e deleite.” Que bom é o nosso Criador e Senhor do Universo!!


Alunos do 4º Ano, Daniel, Daniela, Diogo, Júlia e Rafaela
Copyright © 2013 Departamento de Educação da UPASD, All rights reserved.
União Portuguesa dos Adventistas do Sétimo Dia
Rua Acácio Paiva nº35
1700-004 Lisboa